Conecte-se conosco

Brasil

Brasil dá salto, pula de 9 milhões para 13,5 milhões, e atinge recorde de miseráveis vivendo abaixo da linha da pobreza

Governo Bolsonaro amarga mais um péssimo índice de sua gestão após pesquisa popular o considerar pior início de governo desde Collor de Melo

Publicado

em

O Brasil atingiu nível recorde de pessoas vivendo em situação de miséria. Em 2018, o país tinha 13,5 milhões pessoas com renda mensal per capta inferior a 145 reais, ou 1,9 dólares por dia, critério adotado pelo Banco Mundial para identificar a condição de pobreza extrema. Esse número é equivalente a 6,5% dos brasileiros e maior que a população de países como Bolívia, Bélgica, Cuba, Grécia e Portugal.

Os dados são da Síntese de Indicadores Sociais (SIS), divulgada nesta quarta-feira, 6, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O total de miseráveis no país vem crescendo desde que começou a crise econômica, em 2015. Em 2014, 4,5% dos brasileiros viviam abaixo da linha de extrema pobreza. Em 2018, esse porcentual subiu ao patamar recorde de 6,5%. Em quatro anos de piora na pobreza extrema, mais 4,504 milhões de brasileiros passaram a viver na miséria. Antes de 2012, o recorde de pessoas em situação de extrema pobreza havia sido registrado em 2012, com 5,8% dos brasileiros vivendo nesta situação.

“A pequena melhora no mercado de trabalho não está chegando a essas pessoas, está pegando pessoas já numa faixa (de renda) mais alta. A extrema pobreza cresce”, ressaltou André Simões, gerente da Coordenação de População e Indicadores Sociais do IBGE.

Com informações: Veja

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Tuka Rocha morreu queimado tentando salvar criança de 6 anos, diz Felipe Massa

Publicado

em

Por

O piloto Felipe Massa foi mais um amigo a lamentar a morte de Tuka Rocha, ex-piloto de Stock Car. Tuka tinha 36 anos e morreu às 6h20 de hoje. Ele estava no jatinho que caiu durante uma tentativa de pouso na pista de um resort em Barra Grande, Bahia, na quinta-feira (14). Ele é a terceira vítima fatal do acidente, depois das irmãs Marcela Brandão Elias, 37, e Maysa Marques Mussi, 27
Em um post no Instagram, Massa se disse muito triste com “a perda de um irmão” e diz que o amigo “foi um herói” pois teria voltado ao avião em chamas após a queda para tentar salvar outra vítima do acidente — um menino de seis anos.
Descanse em paz Tukinha. Estou muito triste com a perda de um irmão como você e de outras pessoas que estavam juntos nesse trágico acidente. Você foi um herói em voltar para salvar a vida de uma criança que estava no avião. Que Deus te receba de braços abertos. Do fundo do meu coração Muita força para seus familiares, para os que estão machucados e todos que estão sofrendo. Descanse em Paz maninho”.

Continue Lendo

Brasil

VÍDEO | Pedro Scooby é resgatado após 1min20 desaparecido em onda gigante em Nazaré. Confira

Veja a sequência de imagens aéreas com o resgate de Pedro Scooby em Nazaré. Brasileiro ficou por quase 1min20 desaparecido até ser resgatado e levado para a areia

Publicado

em

Por

Uma sequência de imagens feitas por um drone mostra com detalhes os momentos de tensão vividos pelo surfista Pedro Scooby depois de ser engolido por uma onda gigante na Praia do Norte, em Nazaré, na última quarta-feira. Confira no vídeo abaixo.

Pelas imagens aéreas, é possível ver que Scooby ficou quase 1min20s desaparecido até o alemão Sebastian Steudtner encontrá-lo com um jet ski para fazer o resgate. Steudtner, também surfista de ondas grandes e namorado da brasileira Maya Gabeira, conseguiu levar Scooby em segurança e ainda ajudou o brasileiro a se recuperar na areia.

Confira abaixo

Continue Lendo