Conecte-se conosco

Estado

Caiado inaugura Complexo de Inovação Rural da Emater, com investimento de R$ 18,1 milhões

Nova sede da agência recebe R$ 11 milhões. Centro de Treinamento e Capacitação, com aporte de R$ 7,1 milhões, passa por reestruturação completa e inclui alojamento. Lançado Agroindústria Escola, que impulsionará empreendedorismo rural. Entregues oito novos veículos. “Temos hoje laboratórios que estão com toda tecnologia para desenvolver o que existe de melhor na genética e nos genótipos da agropecuária brasileira”, destaca governador. “Este é um espaço de superação de desigualdades e criação de oportunidades e renda”, diz primeira-dama, Gracinha Caiado

Publicado

em

O governador Ronaldo Caiado, ao lado da presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais (GPS), primeira-dama Gracinha Caiado, inaugurou, nesta sexta-feira (23/07), em Goiânia, dois novos prédios que integram o Complexo de Inovação Rural do Governo de Goiás. A qualificação estrutural recebeu investimento de R$ 18,1 milhões, com entrega da nova sede administrativa da Agência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa (Emater) e obras de reestruturação do Centro de Treinamento e Capacitação (Centrer).

O reforço para o setor de pesquisa e qualificação agropecuária também incluiu a entrega de oito novos veículos, adquiridos a partir de recursos provenientes de convênio com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), e o lançamento da Agroindústria Escola, projeto que capacitará agricultores familiares em produção industrial. As ações marcam o encerramento da Semana da Agricultura Familiar e a celebração pelos 62 anos da Emater.

Caiado contabilizou o retorno dos investimentos direcionados ao setor. “É um prédio que tem capacidade de, a cada real investido, gerar R$ 4,70 de retorno. E vai alcançar muito mais”, destacou ao avaliar a perspectiva de aproveitamento dos recursos entregues pelo Governo Estadual. “Temos hoje laboratórios que estão com toda tecnologia para desenvolver o que existe de melhor na genética e nos genótipos da agropecuária brasileira”, pontuou.

O governador ressaltou, ainda, o legado que a estrutura pode deixar à população de Goiás. “Vocês vão formar discípulos para que cada município, cada agricultor tenha orientação para a renda chegar ao campo. Isso vai melhorar a vida das pessoas”, disse. Segundo Caiado, o compromisso é construir “um governo com tratamento extensivo a todos os 246 municípios”. Na sua avaliação, “as pessoas merecem ter cidadania, que muitas vezes é negada a homens e mulheres que moram no campo”.

Para Gracinha Caiado, a Emater extrapola a função de assessoramento técnico e promove um trabalho intersetorial para levar serviços ao cidadão goiano. “Muito além de uma agência qualificada de pesquisa e extensão rural, este é um espaço de superação de desigualdades e criação de oportunidades e renda”, disse.

O presidente da Emater, Pedro Leonardo Rezende, definiu a entrega da nova sede como um “renascimento”, ao lembrar que a autarquia chegou a ser extinta em gestões anteriores. “O dia de hoje simboliza o ressurgimento de uma instituição que foi extremamente importante para que o Estado de Goiás se consolidasse como um dos expoentes mundiais da produção de alimentos”, afirmou.

Tecnologia e capacitação
O Complexo de Inovação Rural engloba uma rede de departamentos que inclui a nova sede da Emater, o Complexo de Laboratórios, o Centro de Treinamento e Capacitação (Centrer) com Agroindústria e a Estação Experimental Nativas do Cerrado. Para as obras do edifício onde funcionarão os escritórios da Emater, retomadas em dezembro de 2019, foram investidos R$ 11.000.472,59.

Já o Centro de Treinamento e Capacitação passa por uma grande reestruturação e disponibilizará unidades didáticas, refeitório e 32 apartamentos com três camas cada, totalizando 96 vagas para o alojamento dos participantes de cursos e oficinas intensivos ministrados pela instituição. A obra demandou o valor de R$ R$ 7.131.526,24, recursos provenientes da antecipação de ativos remanescentes da liquidação da antiga Emater empresa. A expectativa é concluir a instalação dos alojamentos até o final deste ano.

O Complexo de Inovação Rural já possui em atividade o Complexo de Laboratórios. A infraestrutura atende áreas de pesquisa em quatro campos especializados: Biotecnologia, Cultura de Tecidos e Biofábrica; Laboratório de Entomologia e Controle Biológico; Laboratório de Fitopatologia e Sementes, e Laboratório de Solos e Resíduos.

O titular da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tiago Mendonça, destacou o avanço com a estrutura da nova sede. “Vai ser o palácio da agricultura familiar, que realmente terá a atenção necessária”, disse.

Já o deputado estadual Maycllyn Carreiro classificou o prédio como um dos mais modernos do Estado de Goiás. “Toda gestão tem uma prioridade. Está cristalino que a prioridade do seu governo [Caiado] é cuidar das pessoas. Aqui na Emater não seria diferente”, afirmou. “A Emater se confunde com o desenvolvimento agropecuário de Goiás”, afirmou o deputado federal José Mário Schreiner.

Agroindústria Escola
A nova sede da Emater viabiliza a implantação da Agroindústria Escola. O projeto, lançado em conjunto com a nova estrutura, visa à capacitação de agricultores familiares em produção industrial e ao fomento do empreendedorismo rural, com cursos em áreas como panificação, laticínios e fabricação de polpas de frutas.

A escola agroindustrial da Emater deve profissionalizar o pequeno produtor e auxiliar na formalização dos pequenos negócios rurais, já que o número de unidades de produção com registro legal é baixo, conforme o Perfil da Agroindústria Rural no Brasil, relatório do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O objetivo é empoderar a agricultora familiar com mais possibilidades de geração de renda, já que a maior parte desses estabelecimentos é comandada por mulheres.

Para ser caracterizado como agroindústria, o estabelecimento deve abranger atividades de transformação e beneficiamento de produtos agropecuários de origem animal ou vegetal, que foram realizadas em instalações próprias, comunitárias ou de terceiros, a partir de matéria-prima produzida no próprio estabelecimento agropecuário ou adquirida de outros produtores, desde que a destinação final do produto seja dada pelo produtor.

Frota renovada
Durante a solenidade, o governador Ronaldo Caiado entregou, simbolicamente, as chaves de oito veículos adquiridos recentemente. O presidente Pedro Leonardo lembrou que a renovação da frota da Emater tem sido estruturada desde 2019. “Esta é a terceira aquisição de veículos da gestão para equipar nossas unidades locais”, afirmou.

Ao todo, 24 veículos foram entregues para a Agência desde que Ronaldo Caiado assumiu o Governo de Goiás. A melhoria foi viabilizada por parcerias com a Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e também com o Mapa.

Também participaram os secretários de Estado Bruno D’Abadia (Administração), Cristiane Schmidt (Economia) e Wellington Matos de Lima (Desenvolvimento Social); diretora-geral da OVG, Adryanna Caiado; reitor Valter Gomes Campos (UEG) e vice-reitora Sandramara Matias Chaves (UFG); presidentes de agências Lucas Fernandes (Agência Goiana de Habitação – Agehab), Rivael Aguiar (Agência de Fomento de Goiás – GoiásFomento), Marcos Arriel (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás – Fapeg/em exercício) e Sérgio Paulo Coelho (Agência Goiana de Defesa Agropecuária – Agrodefesa/em exercício); vice-presidente da Agehab, Luiz Sampaio, representante do vice-governador Lincoln Tejota; diretor-executivo de Liquidação de Estatais da Secretaria de Estado da Administração (Sead), Edson Sales de Azeredo Souza; assessor especial da Governadoria, Paulo Magalhães;

Estiveram ainda os superintendentes Antônio Carlos de Souza (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Goiás -Sebrae Goiás) e Dirceu Borges (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – Senar Goiás); os presidentes da Associação Brasileira dos Produtores de Soja (Aprosoja Brasil), Bartolomeu Braz, e da Sociedade Goiana de Pecuária e Agricultura (SGPA), Eurico Velasco; representantes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento em Goiás, Márcio Queiroz, e do Banco do Brasil, Rodrigo Roberto; prefeitos Juliana Izabel de Paula Costa “Juliana da Farmácia” (Cristianópolis), representante da Federação Goiana dos Municípios (FGM), e Rafael Pereira (Varjão); coordenadora Regional da Emater, Esmeralda Arcanjo; e o representante do Corpo de Bombeiros de Goiás, Tenente-Coronel Anderson Moura.

Fotos: Wesley Costa

Legenda:
O governador Ronaldo Caiado, ao lado da presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais (GPS), primeira-dama Gracinha Caiado, durante inauguração da nova sede da Agência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa (Emater), em Goiânia: prédio faz parte do Complexo de Inovação Rural, que reforça setor de pesquisa e qualificação agropecuária no Estado

Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estado

Governo de Goiás recebe mais 166.240 doses de vacinas contra Covid-19.

Publicado

em

Por

Quantitativo, recebido em duas remessas, compreende 113.490 unidades da Pfizer e 52.750 da AstraZeneca. Imunizantes serão utilizados para aplicação da segunda dose, com objetivo de completar esquema vacinal. Governador Ronaldo Caiado reitera importância de a população aderir à campanha de imunização. “Temos que exigir o respeito pelas outras vidas”, ressalta

O Governo de Goiás recebeu, nesta quinta-feira (16/09), mais 166.240 doses de vacinas contra a Covid-19. A chegada ocorreu pela manhã no Aeroporto Internacional de Goiânia. As duas remessas enviadas pelo Ministério da Saúde incluem 113.490 imunizantes Comirnaty, produzidos pelo laboratório Pfizer, e 52.750 da AstraZeneca. As unidades recebidas nos dois carregamentos serão utilizadas para aplicação da segunda dose, com o objetivo de completar o cartão dos já vacinados.

Para o governador Ronaldo Caiado, a adesão à vacinação é um dever do cidadão. Ele alertou sobre os riscos da falta de imunização. “Essas pessoas podem disseminar o vírus que tanto prejuízo tem trazido e tantas vidas ceifou em nosso Estado de Goiás. Temos que exigir o respeito pelas outras vidas”, frisou.

A ação conjunta entre Estado e municípios viabiliza a logística para que a vacina chegue ao público-alvo da campanha de imunização. Após o desembarque, as vacinas passam por processo de conferência na Central Estadual de Rede de Frio, onde ficam acondicionadas em câmaras frias até que sejam preparadas para envio às Regionais da Secretaria de Estado de Saúde (SES). Conforme decisão da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) as remessas aos municípios ocorrem uma vez por semana, nas quartas-feiras.

Reforço
Na tarde desta quarta-feira (15/09), Goiás recebeu um lote de vacinas da Pfizer, com 36.270 unidades destinadas exclusivamente para uso como primeira dose. Na avaliação do titular da SES, Ismael Alexandrino, o quantitativo já recebido no Estado permitiu a vacinação de cerca de 80% da população maior de 15 anos com a primeira dose. “Nesse ritmo, até o final deste mês de setembro, vamos concluir a meta de realizar, pelo menos a primeira aplicação, em todos os goianos com mais de 18 anos”, projetou.

Números da pandemia
Os registros da SES contabilizavam, até às 15h desta quarta-feira (16/09), um total de 7.529.768 doses distribuídas. O saldo da vacinação em Goiás é de 4.439.219 pessoas imunizadas com a primeira dose e 2.217.847 com o esquema vacinal completo com a segunda dose ou dose única.

Fotos: Wesley Costa

Legenda:
Goiás recebe, nesta quarta-feira (16/09), 113.490 imunizantes da Pfizer e 52.750 da AstraZeneca para combate à Covid-19: mais de 2,2 milhões de goianos estão com esquema vacinal completo

Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

Continue Lendo

Estado

AGENDA OFICIAL | Caiado inicia entrega de 250 mil cestas básicas, em Goiânia, e cumpre agenda em Mara Rosa, nesta sexta-feira (17/09)

Publicado

em

Por

O governador Ronaldo Caiado cumpre agendas em Goiânia e Mara Rosa, nesta sexta-feira (17/09). Às 9h, inicia a entrega de mais 250 mil cestas básicas no Estado. O evento ocorre na Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), na capital. Com o apoio das prefeituras, a previsão é que os alimentos sejam distribuídos até o mês de novembro às famílias em situação de vulnerabilidade impactadas pela pandemia de Covid-19.

Com a quarta etapa de distribuição de cestas básicas, iniciada nesta sexta-feira, Goiás alcançará 1 milhão de cestas entregues, desde o início da pandemia, a todos os 246 municípios, além de assentamentos rurais, acampamentos e comunidades quilombolas. Este é o maior número de donativos adquiridos com recursos próprios por um Estado brasileiro neste período.

O investimento feito pelo Governo de Goiás na segurança alimentar das famílias goianas é de aproximadamente R$ 90 milhões, desde março de 2020. Desses, mais de R$ 70 milhões foram para a compra de mais de 1 milhão de cestas básicas, sendo que R$ 28 milhões foram repassados diretamente aos municípios para investimento em Assistência Social.

Às 15h, em Mara Rosa, Caiado participa do lançamento das obras da Ferrovia de Integração Centro-Oeste (Fico), pelo Governo Federal. O presidente da República, Jair Bolsonaro, é esperado no evento, assim como o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. Os 383 quilômetros de trilhos da Fico ligarão o município do Norte goiano a Água Boa (MT) e interligam o Vale do Araguaia à Ferrovia Norte-Sul, favorecendo o escoamento da safra aos portos de Santos (SP), Itaqui (MA) e, no futuro, Ilhéus (BA).

Segundo o governo federal, serão destinados R$ 2,7 bilhões ao projeto. A construção da Fico foi possibilitada por investimento cruzado, utilizando a outorga da renovação antecipada de contrato com a Vale S/A pela Estrada de Ferro Vitória-Minas. Vale e Valec são parceiras na execução da obra, que deve gerar 4,6 mil empregos, entre diretos e indiretos.

Serviço:
Assunto: Governador Ronaldo Caiado inicia entrega de 250 mil cestas básicas, em Goiânia, e cumpre agenda em Mara Rosa
Quando: Sexta-feira (17/09)

Programação:

9h: Lançamento da 4ª Etapa de distribuição de cestas básicas às prefeituras
Onde: Conab – Avenida Meia Ponte, 2758, Santa Genoveva, Goiânia (GO)

15h: Início das obras da Ferrovia de Integração Centro-Oeste (Fico), com presença do presidente da República, Jair Bolsonaro
Onde: Fazenda Botafogo 1, GO-347, Mara Rosa (GO)

Continue Lendo