Conecte-se conosco

Capital

“Flexibilização é decisão acertada”, diz secretária municipal de Saúde

Publicado

em

Em entrevista concedida à imprensa, a secretária municipal de Saúde, Fátima Mrué, afirmou que a decisão da Prefeitura de Goiânia de flexibilizar a retomada de mais atividades econômicas foi acertada. Segundo ela, os baixos índices de isolamento social na capital já computam o funcionamento clandestino de atividades, sem que as empresas cumpram qualquer regra de segurança dos clientes e funcionários, e o cumprimento do rigoroso protocolo de segurança, estabelecido no decreto municipal, pode contribuir para a redução do contágio.

De acordo com o decreto 1.187 de flexibilização, publicado pela Prefeitura de Goiânia na última sexta-feira (19/06), o isolamento social na capital chegou a apenas 37%.  

“As pessoas já estão nas ruas de forma clandestina. Então, reabrir 30% das atividades, impor regras e fiscalizar talvez sejam medidas mais eficientes para controlar o contágio pelo coronavírus do que os segmentos econômicos continuarem abertos de forma irregular”, falou Fátima Mrué.

A secretária entende que a flexibilização, dada a análise multidimensional das políticas públicas, levando em consideração o equilíbrio entre os benefícios de saúde pública com outros impactos sociais e econômicos, foi uma medida acertada do prefeito Iris Rezende, que tem demonstrado equilíbrio e sensibilidade na condução das ações de enfrentamento ao novo coronavírus.

“Então, eu acho que foi uma decisão acertada do prefeito Iris, uma decisão que considerou vários aspectos sociais, econômicos, e principalmente o fato de que as pessoas já estavam nas ruas sem a mínima proteção”, afirmou.

Além disso, a secretária afirma que a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, está tomando todas as medidas para garantir assistência de saúde à população.

 “Hoje nós temos uma taxa de ocupação de leitos de UTI bem mais confortável, em torno de 80%, e de enfermaria 84%. Isso porque a gente já vem de um processo de compra de leitos, inclusive do setor privado, com recursos próprios”.

 Mrué lembrou, ainda, que houve também a ampliação de leitos próprios de UTI, 48 na Maternidade Célia Câmara, além dos 98 leitos contratados de outras unidades em Goiânia e que a rede assistencial de Goiânia tem cumprido satisfatoriamente suas atribuições quanto ao enfrentamento da doença, tanto que Goiânia ainda é, entre as capitais, uma das melhores colocadas no ranking dos números da Covid-19.  

“Até hoje nós conseguimos dar assistência a todos que precisaram, não tivemos na rede pública municipal de saúde nenhum paciente aguardando mais do que 24 horas para entrar num leito de UTI ou de enfermaria”, enfatiza.

Por fim, a secretária disse que a Prefeitura está consciente de que diante de qualquer cenário de saturação do sistema de saúde poderá fechar tudo novamente (o comércio), até mais do que estava.

Valéria Almeida, da diretoria da Jornalismo da Secom

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Capital

Prefeitura de Goiânia testa 2.600 pessoas no sábado para mapeamento e ações de combate ao Coronavírus

O quarto inquérito soroepidemiológico realizado pela Prefeitura de Goiânia, por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde, quer saber como está a circulação do novo coronavírus na cidade

Publicado

em

Por

O aposentado e microempresário Joaquim Claudino Neto, de 65 anos, foi a primeira pessoa do Distrito Sul a ter o sangue coletado para o quarto inquérito sorológico populacional que está realizado neste sábado (11/07), em toda Goiânia, para ver a curva de transmissão do novo coronavírus. A ação da Prefeitura de Goiânia, realizada por meio da Secretaria Municipal de Saúde, é mais uma medida de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus desenvolvida na capital.

Morador do setor Pedro Ludovico, mesmo tendo familiares de amigos com a Covid-19, seu Joaquim estava agradecido por fazer o teste e ao mesmo tempo tranquilo em relação ao resultado. “Estou de quarentena e se tenho que sair me resguardo, sempre uso máscara. Não acho de bom senso a pessoa se arriscar num momento tão perigoso”, afirmou.

Na mesma rua do setor Pedro Ludovico mora o supervisor de vendas, Jesaías Lemes de Oliveira que também foi testado. “Sou muito grato por ter a oportunidade de fazer o teste, não tenho sintomas, mas posso ter a doença e estar passando ela para outras pessoas sem saber”, disse.

A testagem da população está sendo realizada após sorteio de quadras residenciais de forma que alcance os moradores dos sete distritos sanitários de Goiânia. A exemplo dos anteriores, nesse inquérito, apenas um membro por família é testado. Ao todo, 207 equipes devidamente identificadas, cada uma com dois profissionais de saúde, estão fazendo a coleta de sangue para a realização do exame e aplicando um questionário onde o paciente responde questões referentes a possíveis furos de quarentena, contatos com infectados e manifestações sintomáticas.

A secretária de saúde, Fátima Mrué, que passou o período da manhã visitando todos os sete distritos sanitários, falou da importância da testagem.

“Esse teste nos permite identificar a exposição da pessoa ao novo coronavírus. Se ela já foi infectada na amostra de sangue vai aparecer anticorpos que são defesas que o organismo desenvolve para combater a doença. Isso vai nos permitir ver a curva da transmissão dentro de Goiânia o que é fundamental para direcionarmos as ações de controle”, explicou. 

“O resultado da testagem de hoje vai demonstrar o cenário de Goiânia há duas semanas atrás que é o tempo que leva para uma pessoa desenvolver os anticorpos”, ensina o superintendente de Vigilância Epidemiológica, Yves Mauro Ternes.

Os resultados dos exames poderão ser acessados online pela página da SMS em até quatro dias após a visita técnica. O Inquérito Soroepidemiológico é uma ação realizada pela Secretaria Municipal De Saúde (SMS) e conta com parcerias da Universidade Federal de Goiás (UFG) e Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO).

Sirlene Mendonça, da editoria de Saúde

Continue Lendo

Capital

UPDATE COVID | Confira boletim atualizado da pandemia na capital

Publicado

em

Por

Boletim diário sobre Covid-19. Informe Epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde é atualizado diariamente com o número de casos confirmados e perfil dos pacientes em Goiânia.📱Acesse o documento completo: goiania.go.gov.br/coronavirus

Continue Lendo
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com