Conecte-se conosco

Estado

Governo de Goiás e Enel inauguram obras que levam energia elétrica a 170 famílias de comunidades Kalunga, em Cavalcante

Publicado

em

O governador Ronaldo Caiado e a coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais, primeira-dama Gracinha Caiado, participam nesta quinta-feira (19/11), no município de Cavalcante, às 11h, da inauguração das obras de energização que levarão energia elétrica para a casa de 170 famílias Kalunga das comunidades do Vão do Moleque, Maiadinha, Prata e Pé de Morro. A entrega é realizada em parceria com a Enel Distribuição Goiás, e a solenidade será realizada no Festejo, que fica no Vão do Moleque, com a presença do diretor-presidente da empresa, José Luis Salas, e do secretário-geral da Governadoria, Adriano da Rocha Lima, entre outras autoridades.

Durante a cerimônia ainda será inaugurada a construção de 45 quilômetros de rede trifásica, concluída e energizada na última sexta-feira (13/11). A nova estrutura vai melhorar a qualidade de energia para a região dos quilombos Kalunga e também para os municípios de Cavalcante e Monte Alegre. Para fevereiro de 2021 já está previsto o início das obras de conexão de outras 120 famílias das comunidades do Prata e do Pé de Morro.

Com a chegada da energia elétrica, o Governo de Goiás, em parceria com a Enel, irá fazer ainda as primeiras entregas de um total de 100 geladeiras que serão doadas aos Kalunga por meio de sorteio. A estratégia está dentro do programa Enel Compartilha Eficiência, voltado ao uso inteligente da energia elétrica e faz parte do Fundo de Eficiência Energética do Ministério de Minas e Energia.

Durante a visita à comunidade, Gracinha Caiado, que é também presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), fará a entrega simbólica de filtros de barro a famílias do Vão do Moleque. Os benefícios foram adquiridos pela OVG e serão disponibilizados a todos os moradores das comunidades Kalunga da região.

*Sorteio das geladeiras*

O cadastramento dos moradores da região para concorrerem ao sorteio das geladeiras será feito de forma presencial no Festejo, entre os dias 19 a 21 de novembro, das 9h às 17h, ou pelos telefones (62) 9 8272-0596, (62) 9 8271-0283 e (62) 9 8103-2502. O sorteio será realizado no dia 23 de novembro pelo canal do YouTube da Enel e cada um dos ganhadores receberá o eletrodoméstico em casa.

Serviço

Assunto: Governo de Goiás e Enel inauguram obras que levam energia elétrica a 170 famílias de comunidades Kalunga, em Cavalcante*

Quando::,Quinta-feira (19/11), às 11h

LocalFestejo, comunidade Kalunga do Vão do Moleque, no município de Cavalcante

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estado

Restaurante Brioso e Manhoso será palco de reunião de ONG de saúde que atua em 17 países

Publicado

em

Por

Compaixão Internacional, na próxima quarta-feira, dia 9, no Restaurante Brioso e Manhoso, para tratar das diretrizes da entidade para 2021. A ONG atua em 17 países da América Latina, África e Ásia em ações voltadas à saúde, à educação e ao empreendedorismo voltadas às comunidades carentes e em situação de vulnerabilidade social.

Continue Lendo

Estado

Projeto do Governo de Goiás que reduz ICMS do arroz e do feijão de 17% para 12% é aprovado na Assembleia Legislativa

Medida visa diminuir o preço desses alimentos essenciais e sempre presentes nas mesas das famílias goianas, que sofreram forte alta durante pandemia

Publicado

em

Por

Foi aprovado na Assembleia Legislativa, na tarde desta quinta-feira (23/12), o Projeto de Lei nº 6608/19, de autoria do Governo de Goiás, que altera o Código Tributário do Estado para reduzir a alíquota do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal, e de Comunicação (ICMS), aplicável às operações com arroz ou feijão, de 17% para 12%.

Na justificativa do projeto, o governador Ronaldo Caiado destaca que esses produtos são essenciais e sempre presentes nas mesas das famílias goianas, principalmente nas de baixa renda e que são as mais atingidas neste período de pandemia.

Com isso, estabelecimentos comerciais poderão adquirir arroz e feijão com alíquotas mais baixas, independentemente de sua origem e da qualificação do contribuinte que realizar operações com tais produtos, e assim reduzir o preço final ao consumidor goiano.

Segundo dados do último Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), divulgados em outubro pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o grupo de despesas com alimentação teve uma alta de preços de 2,28%. A elevação no valor dos alimentos ocorreu principalmente por causa da refeição dentro do domicílio, que subiu 2,89%, tendo o maior aumento de preço justamente com o arroz (17,98%). No acumulado em 12 meses, a cesta básica subiu 35,86% em Goiânia.

A mudança foi proposta pela Secretaria da Economia por entender que tais produtos são essenciais nas mesas das famílias goianas, principalmente nas de baixas rendas. Já havia redução do imposto para esses produtos, mas restrita aos produtos industrializados no Estado de Goiás, fator que inibia a concorrência entre as indústrias locais e as estabelecidas em outros Estados. A lei agora aprovada corrige essa distorção ao ampliar o benefício para todos, independentemente da origem dos produtos.

A proposta foi submetida à apreciação da Procuradoria-Geral do Estado (PGE), que afirmou que a matéria é constitucional e que não se encaixa como renúncia de receita nem acentua a discriminação entre contribuintes, pois as novas alíquotas serão aplicadas a todos. Além disso, ressalta-se que as empresas do setor instaladas em Goiás já são contempladas com uma redução de carga tributária de 7%.

*Secretarias de Economia e da Casa Civil – Governo de Goiás*

Continue Lendo
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com