Conecte-se conosco

Estado

Governo de Goiás libera R$ 1 milhão para concluir obras de 96 moradias em Alto Paraíso

Publicado

em

Recurso irá viabilizar a entrega do Residencial Paraíso I, cujas obras estavam paradas há um ano. Ronaldo Caiado garantiu que habitação é uma área “que vai avançar muito”

Um dos maiores sonhos dos brasileiros e, também de boa parte do povo goiano, é ter a casa própria. Sensível à reivindicação, o governador Ronaldo Caiado autorizou nesta sexta-feira (9/8), em solenidade no polo da Universidade Aberta do Brasil (UAB), em Alto Paraíso de Goiás, o repasse de R$ 1 milhão para conclusão de 96 moradias. “Nada mais gratificante a uma pessoa do que ter o seu teto”, resumiu o governador ao assinar convênio com a Cooperativa Sem Limites.

As obras do Residencial Paraíso I foram iniciadas com recursos federais, por meio do programa Fundo de Desenvolvimento Social (FDS). No entanto, estão paralisadas há um ano devido a mudanças nas regras do programa, que ocasionaram defasagem dos repasses. Com a verba liberada pelo governador Ronaldo Caiado, será possível concluir os 20% da construção e, assim, entregar as chaves às famílias. “É um sonho que vamos avançar muito em Goiás”, disse Caiado, indicando que pretende entregar mais 2 mil moradias até o final do ano.

A diarista Iandra Borges Santana será uma das beneficiadas com o convênio firmado pelo Governo de Goiás, via Agência Goiana de Habitação (Agehab). Mãe solteira de três filhos, ela afirmou que ter a casa própria vai mudar sua vida. “Estou ansiosíssima e na esperança de que, agora, vai dar tudo certo”, disse. Quando se mudarem para a nova casa, projetou, vai finalmente se livrar do aluguel, um custo que onera a renda mensal.

A família de Iandra e as outras 95 selecionadas no processo seletivo do residencial devem se mudar para a casa própria ainda este ano. A expectativa do governador é entregar as chaves no dia 12 de dezembro, em celebração ao aniversário de Alto Paraíso. Para o prefeito da cidade, Martinho Mendes, em apenas sete meses já é possível perceber as benfeitorias do governo Caiado. “Sabemos das dificuldades que o Estado tem passado. Mesmo assim, o governador nos atendeu, e isso beneficiará direta e indiretamente mais de 400 pessoas”, frisou.

*Políticas Sociais*
Esse olhar atento do governador ao Nordeste goiano é fruto de um trabalho minucioso realizado pelo Gabinete de Políticas Sociais, que tem coordenação da primeira-dama Gracinha Caiado. Presente ao evento de assinatura do convênio para conclusão das 96 casas, ela lembrou que ao realizar o levantamento das cidades mais vulneráveis de Goiás, a região da Chapada dos Veadeiros está bastante presente.

Gracinha celebrou que em breve quase 100 famílias terão sua casa própria. Ao mesmo tempo, lamentou que uma região com veia turística e tantas potencialidades de produtos próprios – como castanha de baru, baunilha do Cerrado e farinha – tenha um índice de desenvolvimento abaixo do ideal. Mais que as casas, a primeira-dama garantiu que o governo estadual vai atuar em outras áreas. “Pretendemos ajudar, mas ajudar com trabalho e oportunidades”, garantiu.

Presidente da Agehab, Eurípedes do Carmo ressaltou que o trabalho realizado pela Agência é inteiramente alinhado ao Gabinete de Políticas Sociais, de prestar atendimento prioritário aos municípios da Rede Integrada de Desenvolvimento do Entorno (Ride), da qual faz parte Alto Paraíso. E projetou que durante os quatro anos em que Caiado estiver à frente do governo, “a meta é construir 20 mil casas”, contemplando todas as regiões do Estado.

Participaram do evento o presidente da Saneago, Ricardo Soavinski; a diretora-geral da OVG, Adryanna Caiado; a prefeita de São João D’Aliança, Débora Domingues; o vice-prefeito de Alto Paraíso, Marlon Bandeira; o representante da Cooperativa Sem Limites, Antônio Leão Amaral; o presidente da Câmara Municipal, vereador Tito; além dos vereadores Claudiomar, Serginho, Pastor Marlony, Canela, João Yuji e Zé Nego.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estado

Familiares de detentos farão manifestação dia 21; contra torturas

Publicado

em

Por

Um grupo de familiares de detentos dos presídios de Goiás organiza uma manifestação para 21 de agosto, na porta da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), em Goiânia, para reivindicar o direito a visitas, protestar contra maus tratos e exigir condições mais dignas de sobrevivência nestes estabelecimentos do Estado. Segundo relatado por parentes, os detentos enfrentam situações de tortura no encarceramento. A DGAP, por sua vez, nega as práticas de violência.

No último dia 31, ocorreu uma manifestação no diretoria-geral, em Goiânia, com estas mesmas pautas. À época, a comissão de representantes de familiares dos reeducandos foi recebida pelo diretor da DGAP, coronel Agnaldo Augusto da Cruz. Segundo informado por membros da comissão, ele pediu para que as demandas fossem documentadas, com a apresentação de propostas para a reabertura de visitas, que ainda não ocorreu.

Contudo, a situação não é somente pelo direito às visitas, ressalta a fonte, que preferiu se manter anônima. Esta pessoa afirma que os presos têm sido submetidos a tratamentos desumanos nas penitenciárias, além de expor a rigidez para o envio de alimentos.

Um grupo de familiares de detentos dos presídios de Goiás organiza uma manifestação para 21 de agosto, na porta da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), em Goiânia, para reivindicar o direito a visitas, protestar contra maus tratos e exigir condições mais dignas de sobrevivência nestes estabelecimentos do Estado. Segundo relatado por parentes, os detentos enfrentam situações de tortura no encarceramento. A DGAP, por sua vez, nega as práticas de violência.

No último dia 31, ocorreu uma manifestação no diretoria-geral, em Goiânia, com estas mesmas pautas. À época, a comissão de representantes de familiares dos reeducandos foi recebida pelo diretor da DGAP, coronel Agnaldo Augusto da Cruz. Segundo informado por membros da comissão, ele pediu para que as demandas fossem documentadas, com a apresentação de propostas para a reabertura de visitas, que ainda não ocorreu.

Contudo, a situação não é somente pelo direito às visitas, ressalta a fonte, que preferiu se manter anônima. Esta pessoa afirma que os presos têm sido submetidos a tratamentos desumanos nas penitenciárias, além de expor a rigidez para o envio de alimentos.

Continue Lendo

Estado

Caiado testa negativo após filha ser contaminada pelo coronavírus

Publicado

em

Por

A filha do governador Ronaldo Caiado (DEM), Maria Caiado, testou positivo para a covid-19. Jovem apresentou sintomas leves como febre e está em isolamento domiciliar. Chefe do executivo estadual cancelou agenda presencial, já que teve contato direto com a filha. A informação foi divulgada nas redes sociais do democrata na noite desta terça-feira (11).

Recentemente, Maria Caiado saiu de São Paulo e chegou em Goiás para passar o Dia dos Pais com o governador. Na segunda-feira (10), porém, ela apresentou febre e foi submetida a exames que constataram a doença.

Conforme a publicação, a jovem está isolada, com sintomas leves e em observação. Caiado e demais familiares que tiveram contato com Maria foram submetidos ao teste e os resultados foram negativos. O governador pondera, no entanto, que todos irão seguir os protocolos e ficar em quarentena.

Continue Lendo
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com