Conecte-se conosco

Capital

Prefeitura de Goiânia distribui itens de proteção para cooperativas

Publicado

em

Enquanto algumas capitais suspenderam seus respectivos programas de coleta seletiva durante, Goiânia adotou uma série de medidas para proteger os trabalhadores que atuam nas cooperativas de materiais recicláveis. Nesta quarta-feira (5/8), o município entregou a segunda remessa de itens de higienização e de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para os integrantes das cooperativas que têm parceria com a Comurg. 

Além disso, durante o evento, que seguiu todos os protocolos de segurança, o prefeito Iris Rezende assinou o decreto que instituiu a Comissão Técnica de elaboração e gestão do protocolo de procedimentos para o manejo dos resíduos sólidos frente à pandemia da novo coronavírus. A medida, segundo o gestor, é fundamental para que as cooperativas continuem ajudando de forma permanente no trabalho de limpeza urbana da capital.

“Tenho notado, com muito orgulho, que Goiânia está se tornando uma cidade bonita e limpa. E isso resultado da participação efetiva dos órgãos municipais e de toda população. E a coleta seletiva tem um papel muito importante neste contexto, pois contribui para o para o bem-estar e a saúde de todos”, afirmou o prefeito. 

Em seguida, o presidente da Agência de Regulação de Serviços Públicos de Goiânia (ARG), Paulo César Pereira, lembrou que, desde o início da pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura de Goiânia atua para garantir a segurança dos trabalhadores que manejam materiais recicláveis.

“Em abril entregamos itens de higienização para mais de 280 catadores. Agora, entregamos novos equipamentos, que incluem máscaras, capas e produtos de limpeza, e criamos um mecanismo que institucionaliza a relação da Prefeitura de Goiânia com os trabalhadores de materiais recicláveis”, destacou. 

Na ocasião, Dulce Helena, representante das cooperativas de reciclagem, comemorou a entrega de itens para a correta higienização neste momento de pandemia e celebrou a criação da Comissão Técnica. “Desde o lançamento do Programa Goiânia Coleta Seletiva, em 2008, sempre recebemos o apoio para continuar gerando renda e cuidando da cidade. Mais do que nunca, temos condições de proteger o meio ambiente e impedir que materiais recicláveis cheguem ao aterro sanitário”, disse. 

Thiago Araújo, da Diretoria de Jornalismo

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Capital

INFORME SECOM | Goiânia realiza quinto inquérito populacional para Covid-19

Publicado

em

Por

Com o objetivo de continuar observando a evolução do novo coronavírus (SARS-Cov-2) na capital, a Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria de Saúde (SMS), realiza neste sábado (19/09) o quinto inquérito populacional para Covid-19. O inquérito sorológico é uma pesquisa para identificar quem já contraiu o vírus.

A previsão é que sejam realizados cerca de 2.700 testes para validação da pesquisa. Eles serão aplicados em todas as regiões da capital por meio de sorteio de quadras e lotes. Desta vez não serão utilizados os testes rápidos doados pelo Ministério da Saúde (MS), mas um outro tipo de teste sorológico doados pela Departamento de Epidemiologia do Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública (IPTSP-UFG).

Aproximadamente 800 profissionais, sendo 400 coletores e 400 agentes de endemias, estarão trabalhando no inquérito, todos devidamente uniformizados, usando máscaras e jalecos para segurança e proteção de todos.

Serviço

Assunto: Goiânia realiza quinto inquérito populacional para Covid-19

Data: 19 de setembro (sábado)

Hora: a partir das 8 horas

Endereço de partida da coleta para o teste: Rua  A1, Qd. 3A, Lt. 16 – Vila Redenção 

Continue Lendo

Capital

Protegido: PT de Adriana Accorsi perde para o MDB de Maguito, apoio de partido aliado histórico: PC do B

Publicado

em

Por

Este conteúdo está protegido por senha. Para vê-lo, digite sua senha abaixo:

Continue Lendo
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com