Conecte-se conosco

Capital

SMT | Trânsito alterado para o Carnaval dos Amigos

Trecho da Avenida 85, no setor Marista, será fechado para veículos a partir das 15 horas do próximo sábado, 15, e será reaberto na manhã do domingo, 16

Publicado

em

A Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMT) fará a interdição da Av. 85, entre as avenidas T-63 e T-11, no sábado, dia 15 de fevereiro, para a concentração final dos blocos do Carnaval dos Amigos, a partir das 15 horas. Também serão bloqueados trechos das vias que fazem interseção com o local da folia, sendo: Avenida Mutirão, T-57, T-11, T-59, T-60, T-62, Av. Edmundo Pinheiro de Abreu, Rua 1121, Alameda Coronel Joaquim Bastos e Rua 1124.

Transporte Coletivo (CMTC)

No sentido centro-sul, (Centro/T-63), o desvio das 8 (oito) linhas será pela Rua T-55, Av. T-2, Av. T-5 e T-63. No sentido sul- centro (T-63/ Centro/Campinas), haverá duas opções de circulação: na primeira, as linhas seguem pela Pç. do Chafariz, Av. T-63, Av. T-4 e Av. T-10, e na segunda opção, o ônibus que segue pela S-1, entrará na Av. T-13, seguirá até a Alameda Couto Magalhães, entrará à esquerda na Avenida Edmundo Pinheiro de Abreu e à direita na Coronel Eugênio Jardim até a Alameda Ricardo Paranhos, de onde retomará o acesso à Av. 85.

A previsão dos organizadores do evento é receber 100 mil foliões no local. A concentração dos blocos tem início esperado para 18h e deve se estender até as 23h. O trecho continuará interditado durante a madrugada para que a Comurg (Companhia de Urbanização de Goiânia) faça a limpeza necessária. No domingo, pela manhã, o trânsito estará liberado no local.

Veruska Narikawa, da editoria de Trânsito, Transporte e Mobilidade, com informações de Bianca Benetti, da CMTC

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Capital

25 BAIRROS | Iris beneficia 6,5 mil famílias em Goiânia com Programa Primeira Escritura

Publicado

em

Por

O Programa Primeira Escritura, da Prefeitura de Goiânia, alcançou no último mês de março a marca de 6,5 mil famílias beneficiadas com a regularização fundiária e registro em cartório das escrituras públicas de seus imóveis. O programa foi criado a partir da Lei nº 10.231/2018, que estabeleceu no município novas regras para a política de habitação e regularização fundiária, em regulamentação à Lei Federal n. 13.465, de julho de 2017.

Considerado um dos maiores programas de regularização fundiária realizados por municípios brasileiros, o programa já beneficiou moradores de aproximadamente 25 bairros da capital e deve atingir até o final deste ano a marca de 45 bairros contemplados e cerca de oito mil famílias beneficiadas.

“Queremos cumprir mais esse compromisso realizado pelo prefeito Iris Rezende com os moradores de Goiânia e até o final deste ano, queremos concluir a regularização imóveis de responsabilidade do município e entregar as escrituras aos seus verdadeiros proprietários. Esse é um sonho que muitos acalentam há anos e, agora, está sendo concretizado pela atual gestão”, destaca Henrique Alves, Secretário Municipal de Planejamento Urbano e Habitação,

Dentre os bairros já contemplados com a regularização de imóveis  estão bairros como o Parque Atheneu, Residenciais Itamaracá e Goiânia Viva, Vila Finsocial, Conjunto Vera Cruz, Jardim Goiás e Setor Pedro Ludovico. Nos próximos meses mais famílias devem ser beneficiadas, e o programa Primeira Escritura deve chegar no Jardim Mariliza, Residencial Veredas dos Buritis, Jardim Novo Mundo, Balneário Meia Ponte e Residenciais JK. Estamos ainda nos preparando para entregar escrituras à famílias do Jardim Nova Esperança, Residencial Itaipú, Eldorado Oeste, Estrela Dalva e Buena Vista.

Mil escrituras em um dia

Criado em 2006 através de parceria da Prefeitura de Goiânia com o Governo de Goiás, o Residencial Real Conquista, localizado na região Sudoeste da capital, foi um dos bairros recentemente contemplado pelo Programa Primeira Escritura. Formado sobretudo por famílias removidas da antiga ocupação do Parque Oeste Industrial e outras áreas ocupadas e de risco da capital, os moradores aguardavam há cerca de 14 anos que os imóveis fossem definitivamente registrados em seus nomes, conforme determina a lei.

A realização deste sonho aconteceu no último dia 7/03, quando o Prefeito Iris Rezende e o secretário municipal de planejamento urbano e Habitação, Henrique Alves, realizaram a entrega de cerca de mil escrituras às famílias que residem no bairro.

“Foi um momento muito emocionante tanto para os moradores quanto para mim e o Prefeito Iris Rezende, pois ali estávamos finalizando um processo que foi iniciado ainda numa gestão anterior do atual prefeito e ele, que entregou a casa a cada uma daquelas mil famílias, estava ali, 14 anos depois, entregando a escritura dos imóveis a cada um deles”, destacou Henrique Alves.

William Assunção, da editoria de Planejamento Urbano e Habitação

Continue Lendo

Capital

Agetul promove vídeo aulas

Para o presidente da Agetul, Urias Júnior, o projeto visa garantir o bem-estar dos jovens, adultos e idosos neste momento em que Goiânia decretou situação de emergência em saúde em virtude da pandemia do novo coronavírus. 

Publicado

em

Por

Seja na sala, no quarto ou no quintal, neste período de isolamento social os exercícios físicos podem ser realizados em qualquer espaço. Pensando nisso, a Prefeitura de Goiânia, por meio da Agência Municipal de Turismo Eventos e Lazer (Agetul), está disponibilizando vídeo-aulas com atividades para que todos possam se movimentar sem sair de casa.

Os materiais com as orientações técnicas são produzidos por analistas, educadores físicos e professores da Agetul e disponibilizados virtualmente no perfil do Instagram da Agência (@agetul_). Até o início desta semana, a iniciativa já alcançou milhares de cidadãos.

Para o presidente da Agetul, Urias Júnior, o projeto visa garantir o bem-estar dos jovens, adultos e idosos neste momento em que Goiânia decretou situação de emergência em saúde em virtude da pandemia do novo coronavírus.

“É possível cumprir a quarentena, necessária neste momento em que vivemos, e manter os cuidados com o corpo. Os exercícios podem ser realizados em qualquer horário e com o espaço que temos à disposição, sem a necessidade de equipamentos”, destaca Urias Júnior.

Além das orientações disponibilizadas nas mídias sociais, a Agetul garantiu que os mais de mil alunos matriculados no “Programa Vida Ativa – Caminhando com Saúde” pudessem acessar as orientações dos professores em uma plataforma específica.

“Estamos seguindo as orientações das autoridades sanitárias e, ao mesmo tempo, ajudando as pessoas, principalmente os idosos cadastrados no Programa Vida Ativa, a manterem a saúde física e mental em dia”, finaliza Urias Júnior.

Continue Lendo